A ordem dos pedais

Fiz um guia básico para quem está aumentando a família de pedais, ou simplesmente
está curioso para saber a melhor razão para um pedal estar em “determinado
ponto da cadeia de pedais.

Não acho que seja um  guia definitivo, até porque eu mesmo faço exceção a ele.
Mas com certeza ele vai te orientar a descobrir o seu modo de usa-los !

—————————————————————————————————————

Eles podem muito bem trabalhar em qualquer ponto da cadeia de pedais.
Mais é recebendo o sinal completamente limpo de sua  guitarra que ele vai
trabalhar melhor.
Você pode isolar o pedal com um A/B Box ou na saída de auxiliar de um pedal
de expressão, whammy ou volume.

São os envelope filters, auto wahs e wah wahs que dependem da dinâmica do sinal.
Por isso devem ser postos logo no início do pedalboard.
Usar um fuzz antes do wah pode proporcionar uma sonoridade bem bacana também!

Handmades Brasileiros que fabricam pedais de filtros:
MG MUSICEFXSTAR DUSTT-MIRANDA.

Lugar de compressor é no começo da linha de pedais, usar ele depois de distorções
e modulações vai fazer ele elevar qualquer ruido de quem estiver antes dele.
Usar sempre o pedal de volume depois do compressor, usando antes você acaba com a
compressão e vai  ter um ruido chato quando o pedal de volume estiver totalmente fechado.

Handmades Brasileiros que fabricam pedais de compressão:
EFXSTAR DUSTT-MIRANDAFUHRMANN

Não dão muito certo depois das modulações e delays, principalmente o Phaser e o delay.
Eles podem ser colocados também como opção antes dos Wah Wahs e alguns filtros.
Um Fuzz antes do wah vai te trazer sonoridades bem sujas e interessantes.

Alguns pedais de Overdrive são muito bons para serem usados como Boosters  e alguns
pedais de distorções como os similares ao DS-1 da Boss usados depois de um fuzz estilo Big Muff  resultam em uma combinação bem bacana !
Veja a combinação no solo de Dani california do red hot chilli peppers AQUI.

MG MUSICEFXSTAR DUSTT-MIRANDA, DAN AMP, VICTORIA,

São freqüentemente usados ​​para moldar os F.O.D ( fuzzes, overdrives e distorções).
Por lógica é dever colocá-los logo após esses efeitos ou no send-return.
Outro uso comum de um pedal de EQ é como boost para dar ênfases em solos.

Pitch-shifters  funcionam melhor com sinais comprimidos, por isso certamente devem
aparecer após o seu compressore e drives.  Eu particularmente só me dou bem com
o  meu whammy antes dos drives ! ( Guitar > Drive > whammy > Amp )

Pedais de modulação funcionam melhor em qualquer lugar após os drives
e entrosam muito bem com os mesmos embora alguns guitarristas
prefiram o phaser antes. Algumas modulações permitem o uso de pedal de
expressão através de uma saída auxiliar onde você pode controlar
as modulações em tempo real.

Handmades Brasileiros que fabricam pedais de modulação:
MG MUSICEFXSTAR DUSTT-MIRANDA.

.

Para controlar o nível de volume do sinal da guitarra de forma geral o pedal de volume
deve estar no final da linha de pedais  mas antes dos Delays para que você possa fazer
controlar o fade In e Fade out suavemente.
Os pedais de Noise gate e limiters se enquadram no gênero.
Nunca use um pedal compressor após o pedal de volume.


O objetivo dos pedais de atraso é simular um ambiente de resposta ao seu som de guitarra. Portanto, ele deve ser colocado no final de sua cadeia para que ele possa captar todos os efeitos  que estão rolando. O reverb se enquadra neste ponto, porém ele soa melhor após o delay.


—————————————————————————————————————

Algumas considerações finais:

BOOSTERS : Os pedais de boosters  vão depender muito de sua finalidade
( Solo ou elevação de sinal) Os boosters limpos podem ser colocados em qualquer
ponto da linha de pedais, já os fat boosters exigem posições mais especificas.

CABOS: Utilize cabos curtos e de boa qualidade.

SEND / RETURN : É  aquela saída trazeira de seu amplificador, onde você pode
ligar também seus pedais, especificamente delays e modulações.
Assim você vai ter uma perda menor de sinal na linha.

OITAVADORES: Se enquadram na mesma área dos drives,  ficam bem antes deles.

ALIMENTAÇÂO: Fique ligado no consumo M/A de cada pedal. Chiados ou até o
não-funcionamento vão aparecer se sua fonte não suportar. Procure uma fonte
estabilizada que seja mais apropriada.
Uma boa opção é a da VITORIA AMPLIFIER Custa R$ 92,00 e liga até 15 pedais.

A/B BOX : Para isolar algum ou alguns pedais da linha a fim melhorar o seu sinal.

É isso ai pessoal !

Usei meus conhecimentos e coletei muitas informações de relatos na Web para contruir
este ” guia ” de ordem de pedais.

Espero contar com as experiências de vocês para aumentar este post !

Valeu !!!

—————————————————————————————————————

32 respostas em “A ordem dos pedais

  1. Muito legal a matéria, sempre surge uma duvida na ordem dos pedais.
    Uma coisa que eu já fiz e fica legal foi ligar o phazer antes das distorções. O efeito do phaser fica muito mais sutil e da um efeito legal. Fiz isso porque li em algum lugar que o Eddie Van Halen fazia isso de vez em quando, mas não sei se a informação procede, o que eu sei é que fica interessante.

    Abraço!

  2. Bem legal o post. Acho q dá pra mergulhar mais ainda e soltar +1 só sobre a ordem entre fuzz, overdrives e distortions. Como no exemplo da Dani California, q tipos de sons vc consegue mexendo na ordem deles.

    Ia me ajudar muito!

    Abs! E parabéns pelo blog q tá cada vez mais legal.

  3. Olá, excelente matéria, me ajudou bastante, pois eu fabriquei pra mim 7 pedais, 3 drives, 1 boost, 1 chorus, 1 tremolo e agora por ultimo um compressor, e tava querendo saber ond coloca-lo, só uma coisa q tenho pra falar, na parte de modulações vc diz q funcionam melhor depois dos drives, eu tenho um microflanger MXR aqui q uso antes dos drives pois eu eu botar depois do drive ele boosta um pouco, abs.

    • Fala seu Trindade !

      Obrigado pelo feedback ! : )

      Realmente, um phaser antes do drive não boosta em nada o sinal, mas onda
      não é a mesma. Sei que os MXR são os que apontam mais. Eu uso um smallstone
      da ehx que me dá um resultado melhor.

      • Ai vc tem que ter um phaser com ajustes mais detalhados.
        Se vc fabrica pedais, experimente colocar um knob de volume gradual. Assim vc
        escolhe a dose de efeito

      • Como usar o microflanger depois dos drives sem boostar? Até o Chorus CE-2 q fabriquei uso ele depois dos drives e tb sinto esse pequeno booster, abs.

    • Amigão, vou tirar por base o uni-vibe da dunlop e o monovibe que já estiveram comigo.
      Eu sempre usei ele como se fosse um chorus, ou seja, antes de distorções/compressores/wah.
      Depois dele só o reverb ou delay. Colocar um drive depois do uni-vibe dá um efeito insano, refiro-me ao ini-vibe, mas o básicão do vibe é este que te falei. Hendrix style !!!!!

  4. Pingback: (Des)ordem dos pedais: Um guia de sobrevivência. - GuitarristasAnônimos|GuitarristasAnônimos

  5. Pingback: GuitarristasAnônimos | (Des)ordem dos pedais: Um guia de sobrevivência.

  6. amigao parabéns pelo post… tenho duas dúvidas do meu setup acho que vc pode me ajudar.. afinal aonde eu uso o meu whammy 4 antes ou depois dos drives? sinceramente onde posso exigir 100% do pedal uma vez que existem muitos guitarristas que usam antes de drives? outra duvída é onde exatamente eu posso colocar o meu micro amp mxr? uma vez que uso uma fender stratocaster e gostaria de deixar o micro amp ligado direto para ter uma senssibilidade a mais nos meus caps single, pois ja uso um compressor cs3 da boss ligado diretao também enfim onde eu poderia deixar o micro para poder ter uma pressão melhor na minha strato?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alteração )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alteração )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alteração )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alteração )

Conectando a %s